Header Ads

Seo Services

Justiça condena dois ex-prefeitos de Coração de Maria a quatro anos de prisão.


A Justiça Federal condenou dois ex-prefeitos da cidade de Coração de Maria a quatro anos e dois meses de prisão por sonegação de contribuição previdenciária que gerou prejuízo ao erário de R$ 2,2 milhões.
Apesar da condenação, a juíza federal Karin Almeida Ewh de Medeiros, tituar da 1ª Vara Federal de Feira de Santana, decidiu que os réus Marilton Ferreira dos Santos e Francisco Antônio Moreira Marques poderão recorrer em liberdade.
De acordo com a ação penal movida pelo Ministério Público Federal, Marilton dos Santos, prefeito entre 97 e 2000, e Francisco Marques, gestor entre 2001 e 2003, omitiram dados no preenchimento das guias do Fundo de Garantia por Tempo de Serviço e Informações à Previdência Social (Gfip), deixando, assim, de incluir os fatores geradores de contribuições previdenciárias.
O ex-prefeito Marilton dos Santos, ao se defender no processo, alegou não existir qualquer comprovação de que teria se apropriado de recursos públicos e argumentou que não era responsável pela área contábil da prefeitura e também não elaborava as informações que foram omitidas.
Francisco Marques, por sua vez, pediu que fosse absolvido no caso sob o argumento de ausência de culpa ou dolo.

Nenhum comentário